fbpx

ANA PATRICIA

QUEM É ANA PATRICIA

Olá, meu nome é Ana Patricia e sou uma apaixonada pelos Cristais. Desde pequena que sempre gostei muito de “pedrinhas” mas nunca me passou pela cabeça que algum dia que fosse ser o que faço.

Nasci na Venezuela e muito nova fui viver para o Funchal/Madeira. Tive a benção de nascer numa família onde se falava muito sobre o poder da mente, do subconsciente e da nossa capacidade de conseguirmos o que queremos. Falávamos muito de energia e mentalidade em casa.

Acredito que foi de grande ajuda quando tive de tomar a grande decisão de mudar a minha vida e seguir o meu coração.

Desiludi-me de mim mesma, fartei-me de mim e fui à procura da minha melhor versão. Com muitos altos e baixos, tropeções, mas firme na minha missão… Encontrei-me! Encontrei a Mulher Imparável que existe dentro de mim e que passei a amar.

A minha missão é ajudar as mulheres a encontrar-se como eu me encontrei e para isso utilizo os cristais e a hipnoterapia. Escolhi estas duas fabulosas ferramentas porque me permitem alcançar resultados rápidos em pouco tempo.

Como cheguei ao que faço

Cristais, Mindset & Terapia para Mulheres que procuram Brilhar

Aos 33 anos despedi-me do mundo corporativo para abrir o meu próprio negócio com a minha irmã, mas não deu certo e faliu. Culpei durante anos a minha irmã da minha infelicidade pois eu tinha um bom trabalho, um bom ordenado e arrisquei tudo por esse negócio. O que eu não tinha descoberto na altura, foi que a minha irmã tinha sido um “anjo” na minha vida. Aliás tem sido desde sempre. Está sempre no momento certo com as palavras certas para realinhar-me na minha missão.  E foi ela quem me sugeriu trabalhar um part-time na Fundação Casa Índigo para poder pagar as contas enquanto encerravamos o negócio. Foi aqui que tudo começou a mudar, que as portas se abriram. 

Na altura a minha filha tinha 3 anos e eu não era feliz, não era alegre nem tinha um propósito, um para quê estou viva e isso fazia-me sentir triste, frustrada e sem vontade de viver. Lembro-me de um dia olhar para baixo da varanda do quarto andar e pensar em terminar tudo, de tão desesperada que me encontrava. Senti muita culpa e vergonha desse sentimento, não sabia o que fazer. Ao iniciar o part-time na Fundação Casa Índigo foi o início da minha jornada de autodescoberta. Fiz terapia, comecei a meditar, e fiz o meu primeiro curso de reiki. Sentia-me melhor, sentia que estava mais perto de descobrir o que realmente me fazia feliz.

Senti um chamamento para seguir o mundo das terapias! Mas, olhava para os outros terapeutas e sentia-me menos do que eles. Comparava-me: não tinha nem um terço da formação deles, não tinha experiência e isso fez-me duvidar do meu chamamento, fez-me duvidar de mim e das minhas capacidades.

Até que participei no meu 1º workshop de cristais e fiquei fascinada. Nesse mesmo dia tomei a decisão irrevogável de descobrir mais sobre este mundo dos cristais e entrei em ação e inscrevi-me no meu primeiro curso. Não sabia explicar, mas era um desejo tão forte, tão intenso saber mais sobre os cristais. Na altura, há mais de 10 anos falar de cristais era visto como coisa rara, esquisita e até associado a coisas negativas. Não tinha lógica, mas segui a minha intuição. 

Os primeiros meses foram difícieis porque me senti desadequada, insuficiente. Os outros alunos tinham mais conhecimentos sobre estes temas da energia. Duvidei do meu chamamento novamente, pûs-me em causa achando que estava maluca

As pessoas mais chegadas achavam que eu estava a passar por uma “fase” que iria voltar ao “normal”. Fui julgada e criticada e isso abalou a minha confiança no que sentia. E para dificultar ainda mais a minha jornada e testar a fé em mim, a minha professora na altura me disse que eu nunca iria ser ninguém, não iria ser boa cristaloterapeuta, que era arrogante. Isso abalou-me imenso e estive quase a desistir de mim e do meu sonho. O que essa professora me estava a dizer é que eu tinha uma enorme capacidade, um dom para trabalhar com os cristais mesmo sem saber nada e sentiu-se ameaçada. É triste…mas por vezes encontramos estas pessoas para testar a nossa determinação.

Tomei a decisão de seguir o meu caminho e já que não conseguia continuar os meus estudos em Portugal, fui estudar para Londres. Esta decisão não poderia ter sido tomada sem a ajuda de mais um anjo na minha vida – o meu pai! 

De malas aviadas, sozinha com a minha filha de 4 anos fui para Londres estudar. Certifiquei-me como Crystal Healer Practitioner e desde 2010 que não tenho parado de estudar. Encontrei-me, encontrei o que amo fazer e sirvo em propósito.

Tudo parecia correr muito bem, e até corria. Mas, há 3 anos alguém me disse: quem és tu para ajudar outras mulheres? Nem coach és, não tens nenhuma formação para isso.

Mais um “anjo disfarçado” para me ajudar a expandir e crescer. Claro que não gostei e senti-me pessoalmente atingida, mas aprendi que não tinha nada que ver comigo eram as crenças dela. Contudo, fez-me refletir e entrar em ação mais uma vez e procurei aprender mais sobre mentalidade e este caminho levou-me a encontrar a segunda melhor coisa (a primeira foram os cristais) que aconteceu na minha vida profissional: encontrei a Marisa Peer e a sua terapia RTT – Rapid Transformational Therapy. 

Desde então, tenho ajudado centenas de mulheres a encontrar-se, a recuperar a alegria e o brilho. A voltar ter vontade de viver a vida, desfrutar a vida, divertir-se, rir, amar e ser amadas! Não é realmente maravilhoso?!

Quando ajudo uma mulher a brilhar, um pirilampo acende-se e ilumina o mundo!

CONHECE-ME MELHOR

COMO TRABALHAR COMIGO

Descobre qual é o melhor plano para ti

Crystal Coaching™

Nesta consulta vais ser acompanhada durante 30 dias com cristais para recuperar o equilíbrio dos chakras

Curso Cristais 1.0™

Neste curso vais aprender a utilizar os cristais no teu dia-a-dia para ganhar mais calma, serenidade, energia e saúde. 

Terapia RTT®

Esta terapia vai ajudar-te a libertar crenças limitadoras que te impedem de brilhar e ser feliz